Pesquisar

Carregando...

19 de fevereiro de 2010

A REALIDADE BRASILEIRA - "Um País Desnutrido"



A REALIDADE BRASILEIRA


Por volta dos anos 70, vi uma reportagem de várias páginas, não me recordo bem se foi na revista REALIDADE ou O CRUZEIRO.
Essa reportagem fazia um comparativo entre um BRASILEIRO, um AMERICANO e um ALEMÃO no que tange a condição de vida de cada cidadão. Os três tinham as mesmas profissões; eram caixas de banco, com as mesmas funções, porem com situações bem opostas.
O BRASILEIRO morava numa casa alugada, num subúrbio do Rio de Janeiro, acordava todos os dias às 6 horas da manhã, não possuía carro e viajava de trem suburbano de casa ao banco que localizava no centro da cidade. Os demais; AMERICANO e ALEMÃO,tinham uma situação bem diferente. Na questão de salário, eles ganhavam ate 12 vezes o rendimento mensal do brasileiro.
No caso do americano que iremos destacar, a coisa ia muito além, ele possuía uma ótima casa própria, uma casa de campo, 2 carros e um padrão de vida de deixar muitos gerentes de banco no Brasil com água na boca. Pelo fato de morar próximo ao local de trabalho ele ia a pé e ainda tinha tempo todos os dias de ler um livro numa praça próxima a sua residência como uma terapia para dar início a um novo dia de trabalho.
CAFÉ DA MANHÃ: a revista mostrava na foto, uma mesa dividida entre os três onde sentados faziam a primeira refeição do dia. O café da manhã do brasileiro, era simplesmente um pãozinho francês de 50 gramas, com manteiga e um copo de café com leite. No outro lado mesa onde se encontrava o americano, havia sobre a mesa, 1 copo de suco de laranja, 1 copo de leite, 1 xícara de café, 1 prato com 2 ovos estrelados e varias fatias de bacon, varias torradas, fatias de pão de forma, 1 pote de geléia de fruta, 1 pote de mel e varias frutas tais como: maçã, banana, mamão, etc.. No lado do alemão, a base da alimentação era quase a mesma, variando apenas alguns itens tais como: salsicha, lingüiça, outros tipos de geléia, etc..
Em outra pagina, fazia um comparativo da refeição que o brasileiro considera a mais importante e a mais especial que era o ALMOÇO DE DOMINGO.
Na parte da mesa onde estava o brasileiro, havia 1 frango assado, macarronada ao molho, maionese, refrigerante e cerveja. Na parte dos demais ocupantes da mesa, a coisa era bem diferente, destacando-se, saladas, bifes de filé, vinhos, enfim, na visão de nos brasileiros era um autentico banquete contendo um grande equilíbrio de alimentos nutritivos e saborosos tão necessários à alimentação e nutrição de qualquer ser humano.
Hoje em dia a coisa não é diferente, nem para o caixa de banco e nem para nenhum cidadão brasileiro, que muitas vezes tem que contar com a ajuda da esposa, que deixa de cuidar dos filhos para trabalhar para ajudar a compor o salário de sobrevivência do bancário ou de qualquer outro trabalhador.
Vale lembrar que, no caso dos bancários estrangeiros a condição permitia a eles terem empregadas e desta forma as esposas viviam exclusivamente para cuidar da família e do lar.
Alimentos Consumidos Por Família Alemã
Oportunamente conversando com amigos que tem o privilégio de estar sempre viajando para a Europa e Estados Unidos, onde um deles me disse: “Pelo que eu vejo na Europa e em diversos países no qual fiz muitos amigos, eu não tenho nenhum medo em afirmar que os porcos comem melhor que muitos brasileiros.”
Tomando a França como exemplo, nunca pode faltar um bom vinho às refeições, e um cuidado muito especial com a qualidade dos alimentos sejam os naturais ou industrializados. Quando um cidadão francês vai ao mercado comprar frutas, estas não podem nem devem ter qualquer tipo de problema como: amassadas, com sinais de queda, maduras em excesso ou algo de demonstre que elas não estejam saudáveis. A compra dos alimentos, principalmente de frutas, legumes e verduras é feita somente o suficiente para 2 ou 3 dias para que ele tenha sempre em casa alimentos frescos e saudáveis.
No Brasil a coisa é bem diferente, nos supermercados ou sacolões, pelo menos 50% do que é vendido e que levamos para casa certamente na Europa seria destinado aos porcos, alem de que, o brasileiro, para aproveitar as promoções, cuja finalidade real do vendedor é por para fora tudo aquilo principalmente perecível e que esteja próximo do vencimento de validade, levando o pobre brasileiro como sempre a ser enganado e consumindo quilos e mais quilos de produtos sem qualquer condição de consumo.
Sempre foi de grande interesse dos nossos governantes que o nosso povo fosse desnutrido. A desnutrição é parceira da ignorância, falta de inteligência, comodidade, omissão, promiscuidade, falta de cultura, miséria, violência e muito mais. Seria totalmente impossível criar-se uma nação de homens inteligentes e cultos á base de simplesmente café com pão e manteiga. Seria totalmente impossível criar-se uma nação de homens inteligentes e cultos à base de simplesmente feijão com arroz.
A condição de um ser culto, inteligente e saudável inicia-se nos primeiros dias ainda na barriga da futura mamãe. É indispensável que a mãe desde os primeiros dias de gravidez tenha uma vida tranqüila, saudável, com boa alimentação, pois somente disso irá depender o futuro daquela criança que irá nascer.
Uma mãe desnutrida irá gerar uma criança desnutrida de mente de corpo e de alma.
Somos um país desnutrido onde nossos governantes não dão menor valor à prioridade de qualquer ser humano que seria ter uma vida digna; na saúde, na alimentação, na segurança, no trabalho, na educação, etc. etc.
Achiles Holanda


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Este blogue respeita todos os seus leitores... mas você é especial!
Obrigado pelo comentário!"