Pesquisar

Carregando...

21 de fevereiro de 2010

UM IDEAL DE HUMANIDADE - A Fome


UM IDEAL DE HUMANIDADE


A Fome
Como as coisas seriam mais fáceis para todos os homens se a desigualdade não fosse tão gritante.
É muito comum vermos pela televisão, através da musica ou por outros meios de comunicação, pessoas falando com relação à desigualdade social que hoje assola o mundo que vivemos porem, muitas das pessoas que criticam essa desigualdade são os fieis responsáveis dessa desigualdade absurda.
Podemos citar alguns exemplos.
Recentemente assisti uma reportagem, onde uma mulher da alta sociedade, havia gasto uma importância absurda para comemorar o aniversario do seu cãozinho de estimação. Existem pessoas que são capazes de gastar mais de R$ 500,00 por mês apenas para cuidar da beleza do seu animal . Os animais só comem das melhores rações, bolos e doces especiais, fazem tratamento anti-estress, cuidam dos pelos e das unhas em salões especiais, etc.etc.
Vi também outra reportagem onde uma mulher havia gasto R$ 10.000,00 para um tratamento de beleza das nádegas, pois estava chegando o verão e ela precisava mostrar a sua beleza nas praias cariocas.(2008)
Tomei conhecimento de casamentos de atores e jogadores de futebol que chegam a custar mais de US$ 800.000.(2.008)
Fora estes casos citados, existem milhares de outros que seria totalmente impossível relatá-los.
Como o ser humano é egoísta e mesquinho. São coisas que jamais poderiam ser aceitas por pessoas normais; normais perante o homem e normais perante a Deus. Como se pode gastar tanto com coisas fúteis enquanto grande parte da humanidade não tem nem pelo menos um pedaço de pão para comer. As pessoas gastam milhares de dólares somente para manter a sua vaidade pessoal. Existem países que da mesma forma desperdiçam milhares de dólares com coisas inúteis enquanto pelo menos 1/3 da população mundial esta morrendo de fome.
No Brasil a desigualdade é absurda e um dos maiores responsáveis por essa desigualdade são os nossos governantes. Senão vejamos alguns exemplos: os salários absurdos recebidos pelos políticos sejam na esfera municipal, estadual ou federal. Em especial em Minas Gerais existem deputados estaduais que chegam a receber entre salários e outras vantagens mais de R$ 1.000.000,00 por ano. Existem repartições em diversas esferas que o salário mínimo percebido por seus funcionários chega a R$ 3.500,00.
É um crime contra nossa população o país gastar mais de 70% de sua arrecadação com folha de pagamento de seus funcionários. Existem prefeituras e governos estaduais que o comprometimento de sua arrecadação com a folha de pagamento chega a 100%. Desta forma não existe milagre que faça com que o governo invista na saúde, educação, segurança e em outras prioridades tão importante para nossa população.
O Brasil é uma maquina arrecadadora que somente favorece uma elite que usando de vários meios ilícitos consegue muitas vezes até burlar as leis sem que o seu povo perceba.
Um exemplo deste fato esta no número absurdo de associações, federações, fundações, ONGs., sindicatos, igrejas, cooperativas; cuja finalidade é apenas obter vantagens do governo em detrimento da própria entidade levando seus diretores e dirigentes muitas vezes a omitir e ocultar receitas, lesando o imposto de renda e acumulando fortunas em diversos paraísos fiscais.
Achiles Holanda

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Este blogue respeita todos os seus leitores... mas você é especial!
Obrigado pelo comentário!"